Sobre

AGENTE MACEDO nasceu e foi criado no interior de Minas Gerais junto com sua família de classe média baixa. Iniciou a vida adulta trabalhando em lavouras de café, em borracharia, em produção de silagem para bovinos e na produção de carvão vegetal, porém, foi trabalhando como frentista, cantor e radialista que ficou mais conhecido na região do Alto Paranaíba e Triângulo Mineiro. Por ter uma boa popularidade e carisma, nesta época, foi candidato à Vereador ficando como Suplente nos anos de 2004 e 2008 quando ainda trabalhava em um Posto de Combustíveis.

O SISTEMA PRISIONAL
Ingressou em 2009 como Agente Penitenciário prestador de serviços ainda na versão contratual que se renovava a cada 6 meses, e posteriormente foi aprovado no Concurso Público de 2012.

Macedo trabalhou por 06 anos na Penitenciária Deputado Expedito de Faria Tavares, onde foi idealizador e fundador da Associação dos Agentes Penitenciários de Patrocínio e Alto Paranaíba – AAGEPPA no dia 08 de Agosto 2012, apoiado pelo Advogado Dr. Vinicius Ganzaroli e por um grupo de aproximadamente 100 colegas entre assinantes da Ata e aqueles que integraram a chapa.

Macedo e Dr. Vinicius na corregedoria do Sistema Prisional-BH
Brasão da Associação dos Agentes Penitenciários de Patrocínio e Alto Paranaíba – AAGEPPA

Assumiu uma vaga como Servidor Concursado na Região Metropolitana de Belo Horizonte, especificamente no Presídio Inspetor José Martinho Drumond, onde ampliou sua experiência na área e participou da Greve de 2016 ao lado do Vice-presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários – SINDASP e outros Guerreiros e Guerreiras.

Movimentação Durante a Greve do Sistema Prisional em 2016

Foi também candidato à Deputado Estadual em 2018 pelo Sistema Prisional e por Minas Gerais ficando também na suplência, o que lhe rendeu visibilidade política na Cidade de Patrocínio onde instalou raízes há mais de uma década. Nesta candidatura estadual apresentou aos eleitores sua proposta para a criação de uma Guarda Escolar para atuar nas Escolas de Minas Gerais, a qual seria responsável pela segurança nas portarias, fiscalizando na entrada os objetos dos alunos e professores, e fazendo monitoramento no interior dos estabelecimentos da Educação Estadual, visando diminuir atritos verbais e agressões no ambiente escolar, bem como evitar a entrada de drogas, armas e outros ilícitos. Apresentou também várias propostas de melhorias para o Sistema Prisional e seus Servidores, que podem ser encontradas em suas redes sociais.

Em 2019 concluiu o Curso em Gestão de Segurança Pública e Privada, e segue buscando se qualificar cada vez mais em sua área para diuturnamente prestar melhores serviços à sociedade.

Compartilhe nas suas redes sociais!