Patrocinense, você aprova todo o conteúdo do projeto que regulamenta o transporte por Aplicativos em nossa Cidade?

6
254

Os Vereadores de Patrocínio se reuniram na data de ontem (19/05/2020) durante a 7ª Reunião “ORDINÁRIA” e, em caráter emergencial, aprovaram o projeto de regulamentação dos aplicativos que oferecem serviços de transporte na Cidade, aqueles semelhantes ao famoso UBER.

No projeto consta o valor mínimo cobrado por corrida e também a quantidade de veículos que cada empresa poderá disponibilizar em parceria com os motoristas, que na maioria das vezes são pessoas desempregadas em busca de garantirem o pão de cada dia em suas mesas, pois é fato verídico o ditado popular que diz que “a boca não pára”!

De acordo com o texto, serão 15 veículos por empresa e o valor mínimo de R$10,00 por corrida, e segundo o Presidente da Câmara, o Excelentíssimo Senhor Prefeito, Ex-Deputado Estadual e empresário do ramo de transportes, será responsável pela “escolha da forma de escolha” das empresas a serem liberadas para os trabalhos, e que os empresários podem procurar o chefe do Executivo que é candidato à reeleição, para debaterem melhorias no até então projeto.

Vereadores de Patrocínio em Reunião

MINHA OPINIÃO:

Projeto Interessante!

Não vou comentar sobre valores porque não sei a realidade do motorista de aplicativo em Patrocínio, no meu carro velho por exemplo, 10 reais não dá para cruzar a Cidade e voltar, rsrs, mas não vem ao caso.

O que acho grande injustiça na minha visão de leigo no assunto, é limitar a quantidade de veículos por empresa neste momento em que muitos Patrocinenses estão perdendo seus empregos e recorrendo às corridas por aplicativos, buscando complementar ou garantir suas rendas mínimas para a subsistência pessoal ou familiar, o que ainda é mais complicado, pois envolve dependentes!

E ficar a cargo do Prefeito escolher tais empresas é inviável, pois seja Prefeito A ou B, pode ser que esta prerrogativa seja usada para centralizar o poder e garantir apoio político, ou impor!

Até parece que é um projeto urgentemente aprovado para favorecer alguém ou “alguens” em detrimento dos mais necessitados em tempos de pandemia!

Fica aqui registrada a minha crítica CONSTRUTIVA em prol da população muitas das vezes mal representada!

Att, Agente Macedo

 

Compartilhe nas suas redes sociais!

6 COMENTÁRIOS

  1. Limitar a quantidade se faz necessário para garantir que todos tenham uma renda razoável .
    Se não tiver limite acaba prejudicando os própios motoristas,imagina muitos motoristas para poucas corridas.

  2. Trabalho com app meu carro é 2010, 60.000 kms rodados, mais zero que muito 2015 por aí, agora em plena crise econômica devido ao covid-19, tenho que trocar de carro pra continuar colocando comida na mesa, muito errado isso

    • Que triste meu amigo.
      Espero que as coisas se ajeitem para todos vocês e que possam trabalhar com o apoio do Governo Municipal pelo menos no próximo mandato, pois acredito que o Gustavo Brasileiro estará lá para olhar por todos nós trabalhadores!

  3. Sinceramente, a questão de limitar o número de veículos por empresa de aplicativo, é trabalhar contra o crescimento do negócio empresarial. É colocar uma camisa de força no empresário para ele mantenha o mesmo tamanho de seu empreendimento. Assim sendo, como exemplo, no caso da empresa de transporte coletivo, o município não fixou o número de ônibus, o que, se limitasse, faria com que outras empresas também pudessem ofertar o mesmo serviço. É a minha humilde opinião. No mais, parabéns pelo site, Agente Macedo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui